Santa Stole My Girlfriend

Escrito por MMK - Siga a autora no Twitter
Beta-Reader: Luanna



Santa, You Bitch!

Merda! - Era apenas o que eu conseguia pensar. Minha vida virou uma desgraça, tudo culpa daquela idiota da ! Por quê? Ah, ela decidiu ficar com o Papai noel em vez de mim! Agora voce deve estar pensando como eu sou ridículo, devo estar drogado ou algo assim, por que Papai Noel não existe, mas relaxa, eu sei disso. E deixa eu te contar o porquê de toda essa loucura que eu estou falando. Ah, meu nome é , tenho 17 anos e estou no último ano do ensino médio.

Mês passado, aqui no colégio, a professora de artes decidiu fazer uma peça de teatro sobre o natal, afinal, já era Novembro. E a peça teria quatro integrantes, apenas. O Papai Noel, a namorada desse velho ridículo, o filho do casal e o duende. E eu tentei entar na peça como o velho, porque sabia que seria a namorada do Papai Noel. E posso dizer que eu consegui entrar na peça... como o duende! Ah, eu sei, eu sei! Ridículo isso, não? Pois é. Eu estava afim dessa garota há muito, muito tempo. Mesmo. E esse era o único jeito de ficar perto dela. Porque eu sou um loser, meus amigos são loser, tenho uma banda com esses meus amigos loser e eu faço coisas de loser. E ela é popular, tem amigas popular, e namora um cara popular que também tem uma banda. O nome desse cara é Nicholas Santino, esse cara popular seria o velho na peça. Ele não é nada de mais, não sei o que as garotam veem nele. E aliás, ele parece um duende, não eu.

Mas enfim, acontece que nesse tempo entre o dia que começamos a ensaiar a peça, isso foi um mes atrás, até hoje, o dia da peça, aconteceu muita coisa. brigou com o Nick, e eu e ela começamos a ser amigos. E eu aproveitava dessa amizade, e aproveitava muito. Sim, eu e ela começamos a ficar, mas segundo ela, sem compromisso, porque ela estava carente e ainda gostava muito do Nick. Blá, blá, blá. Mas eu acho que ela estava apaixonada por mim. Ela parecia feliz ao meu lado. Mas como eu estava enganado.

A peça ocorreu tudo bem, apesar de Nick e estarem separados, eles foram bem profissionais, não demonstraram raiva nem nada, saiu tudo ótimo. Até demais. E eu? Ah, minha única fala era: "Papai Noel, estou pronto para lhe ajudar com as crianças!".

Quando a peça havia acabado, eu estava no camarim improvisado, atrás do palco da escola, distraído, e ouço uma conversa. Era a e o Nick. Eles pareciam bem felizes, e, quando eu resolvo dar uma olhada, eles se beijam. Ah, eu disse que minha vida era uma merda. Aliás, ela me fazia sentir como merda.

Mas eu superei isso, sabia que eles voltariam. Mas agora eu teria que me concentrar. Amanhã seria a festa do encerramento do ano letivo, e minha banda iria tocar.

-

Estava em minha casa com os caras da banda, tentando compor de última hora, uma música, pois faltava uma para fechar as 4 musicas que tocaríamos. E pensando nesse tempo que eu passei com , consegui escrever algo, e os caras fizeram um arranjo legal para a música.

-

Já era a noite da festa, aliás, já era final da festa, e todos os alunos estavam caídos pelos cantos da escola, todos bêbados, e os que não estavam, estavam namorando.

E minha banda agora subia ao palco.

Tocamos três musicas, e agora tocaríamos a música que eu compus ontem.

"It's christmas day, I'm alone again
She's with him now, I'm with my loneliness"

com toda a raiva que eu não tinha pela .

"She ran away, four months ago
Left with his sleigh, for the north pole"

Agora eu olhava para uma cena que me partia o coração.

"Please come back home
And leave that fat man alone "

Ela estava de mão dadas com o ridículo do Nicholas.

"Santa, you bitch
Didn't get a damn thing from my christmas list
All I got was this broken heart
And that's it"

E agora eles estavam abraçados, rindo um no ouvido do outro.

"Santa, you bitch
Oh, there's only one thing that I truly wish
I wish my old girl would've never kissed saint nick
Would've never kissed saint nick"

Nicholas agora tentava chamar a atenção de e fazia gracinhas para ela.

"I saw 'em dancin' under mistletoe
Thought it was nothing but I guess I didn't know,
That there was something goin' on with them
Santa, you player
I though we were friends"

Agora eles dançavam, sem ritmo algum, apenas por diversão.

"Please come back home
And leave that fat man alone"

Ela parou, de repente, e começou a me olhar.

"Santa, you bitch
Didn't get a damn thing from my christmas list
All I got was this broken heart
And that's it"

E eu a olhava também, mas tomava cuidado para não errar a música.

"Santa, you bitch
Oh, there's only one thing that I truly wish
I wish my old girl would've never kissed saint nick
Would've never kissed saint nick"

Talvez ela tivesse se dado conta de que a música era para ela?

"Oh santa, you bitch
Didn't get a damn thing from my christmas list
All I got was this broken heart
And that's it
Santa, you bitch
Oh, there's only one thing that I truly wish
I wish my old girl would've never kissed..."

Ou talvez ela estava me olhando, pensando como a música era ridícula, como EU era ridículo.

"Santa, you bitch
Didn't get a damn thing from my christmas list
All I got was this broken heart
And that's it"

Nick tentava ter a atenção da garota, mas dessa vez não conseguiu.

"Santa, you bitch
Oh, there's only one thing that I truly wish
I wish my old girl would've never kissed saint nick"

E no fim da música, havia desaparecido.

-

Já são 00:30 da madrugada, e eu acabei o mini-show. Estou sentado embaixo de alguma árvore aleatória da escola, e alguém senta ao meu lado.
- A música é pra mim, não é? - A doce voz da agora dirigia-se à mim.
- Está tão na cara assim? - Falei tentando parecer divertido, mas acho que pareci sério demais.
- Demais. - E ela riu. Como seu sorriso era lindo, o mais perfeito do mundo, sem dúvidas. E o silêncio apareceu. Apenas o barulho do vento nas árvores.
- Desculpa. - Ela falou. - Por eu ter te feito de bobo, ter usado você. Você não merece. Você não me merece, merece coisa melhor. - Agora ela falava com a voz meio tremula, e percebi que havia lágrimas nos seus olhos.
- Não diga uma coisa dessa, . Eu que errei, me aproveitei de você, sabia que ainda gostava de Nick, e mesmo assim insisti. - Falei isso e a menina levantou e saiu correndo. Eu fui atrás e a segurei pelo braco. - eu te amo. - Disse olhando nos olhos de . Ela ficou quieta. Merda. O que eu fiz? Larguei o braço dela e dei as costas para sair correndo. Mas ela me impediu.
- Eu também. E eu descobri isso nesse mês que ficamos juntos. Vi que o que eu sentia por Nick não era nada perto do que eu sinto por você. - Ela falou, olhando fixamente para mim. Eu não sabia o que fazer. - Ah, Deus! Como você é lerdo! - Ela riu e me puxou para um beijo. E cara, que beijo!

E assim termina, ou começa, minha história com a . Ela terminou de vez com Nick e ele ficou conhecido no colégio como Papai Noel de chifres.
A banda dele, bom, acabou. Porque segundo os outros integrantes da banda, não seria nada legal ter o "Papai Noel" como vocalista.

Fim.

 

Comentários da autora

 --


Comente aqui